Artistas Internacionais confirmados:
Demondrae Thurman
Jamie Lipton
Jeff Baker
Joanna Hersey

Demondrae Thurman

Pelos últimos 20 anos, Demondrae Thurman tem estabelecido reputação mundial através de suas várias experiências como solista de eufônio, educador, música de câmara e regente. Ele tem se apresentado no Canadá, Hungria, Japão, Hong Kong, Alemanha, França, Espanha, Taiwan, Macau, Noruega, China, Itália, Áustria, Inglaterra, Gales e através dos Estados Unidos. Demondrae é frequentemente convidado  para vários dos mais importantes festivais e conferências de metais graves do mundo, incluindo a International Euphonium Tuba Conference, o United States Army Band Tuba Euphonium Workshop e o Leonard Falcone International Solo Competition.

Demondrae é conhecido pelo seu som único e musicalidade ampla.DE acordo com o maestro Gerard Schwarz, diretor musical do Eastern Music Festival e da All Star Orchestra , “Quando ele toca, está falando sua própria linguagem no eufônio, parte cantor, tenor e barítono, e parte notável instrumentista de metal. Ele canta em seu instrumento e alcança todos na plateia. Sua técnica parece impecável e seu fraseado e notável”. Como um defensor de novas músicas, Demmondrae tem encomendado ou estrado vários trabalhos para eufônio, incluindo In Memorium for Euphonium and Band do Maestro Schwarz, O Heritage Concerto for Euphonium and Band de Anthony Barfield, Fantasy for Euphonium Orchestra de Doug Bristol e Soliloquies for Unaccompanied Euphonium de John Stevens.

Demondrae frequentemente recebe a oportunidade de executar repertório para eufônio oi trompete baixo. Ele se apresentou com várias das melhores orquestras nos estados unidos, incluindo a Atlanta Symphony, Jacksonville Symphony, Sarasota Orchestra, Naples Philharmonic, Oregon Symphony, Eastern Music Festival Orchestra, Philadelphia Orchestra, assim como na temporada de verão de 2016 com a New Philharmonic sob a liderança do Maestro Alan Gilbert. Nas palavras de Anu Tali, diretor musical da Sarasota Orchestra and the Nordic Symphony Orchestra, “o som quente de Demondrae combinado com sua flexibilidade artística é o sonho de qualquer regente ou orquestram”. Demondrae também se apresentou sob a batuta de Yannick Seget Zegun, Edo de Waart, Donald Runnicles, Robert Spano, Gerald Schwarz, Andrew Litton, e Carlos Kalmar. Demondrae também toca Baritono na Brass Band de Battle Creek, um grupo all-star de metais e percussão.

Música de Câmara é uma parte integral da carreira de Demondrae. Tem participado como eufonista e trombonista com a Philadelphia Big Brass, Proteus 7, Dallas Brass, e a Youngblood Brass Band- porém a sua participação mais premiada é como primeiro eufônio com o Sotto Voce Quartet. Sotto Voce é responsável por mudar a direção e percepção de quarteto tuba-eufônio. Notável por sua execução de composições e arranjos "próprios", principalmente do tubista e compositor Mike Forbes, Sotto Voce superou as implicações "omm-pah" que vêm com instrumentos graves de metal. Edward Forstman, da Arts Bham, escreve: “... os músicos invocam notas que poderiam facilmente soar como instrumentos de cordas ou grupos vocais”. Além de apresentar recitais como parte das principais séries de concertos e ambientes universitários, as apresentações ao vivo são frequentemente ouvidas no Performance do Dia da American Public Media.

Demondrae lançou três gravações solo, todas as quais receberam críticas estelares. Seu último álbum, Snapshots, recebeu a Medalha de Prata de Melhor Álbum pelo Global Music Awards. O quarteto Sotto Voce possui quatro gravações em estúdio, além de uma gravação ao vivo na Midwest Band e Orchestra Clinic, a conferência de educadores musicais mais proeminente nos Estados Unidos. O Demondrae também pode ser ouvido em gravações com o Temptations, a Orquestra Sinfônica de Atlanta, a Brass Band de Battle Creek, o Saint Louis Lows Brass Collective e o Isthmus Brass.

A regência tornou-se um aspecto importante da carreira de Demondrae desde sua estreia em 1999. Desde então, ele se apresentou como maestro convidado com várias bandas sinfônicas, brass bands e orquestras sinfônicas. Sua estreia com orquestra sinfônica ocorreu em 2008, conduzindo Scheherazade de Rimsky Korsakov com a Orquestra Sinfônica de Huxford da University of Alabama, onde também atuou como maestro entre 2011 e 2013. Ele está em sua 9ª temporada como Maestro Assistente Residente da Orquestra Sinfônica de Tuscaloosa (Alabama), onde realiza programas infantis e Populares.

Atualmente, Demondrae é professor de música na Indiana University Jacobs School of Music. A posição foi criada para ele utilizar suas habilidades e conhecimentos específicos em eufônio e música de câmara para metais. Ele também atua na faculdade da Samford University e ministrou masterclasses e clínicas em muitas das principais faculdades e universidades do mundo para metais graves.

Demondrae é artista da marca Miraphone e toca exclusivamente o eufônio  Miraphone 5050 Ambassador Edition que foi criado especificamente para ele. Que também toca com o bocal modelo Demondrae Custom fabricado pela Warburton Music Products e é artista Shires de trombone.

Jamie Lipton

Dra. Jamie Lipton é o Professora Associada dos metais graves  da Henderson State University em Arkadelphia, Arkansas. Como artista performática da marca Willson, a Dr. Lipton se apresentou nos Estados Unidos e em todo o mundo, mais recentemente em Tatuí, Brasil. Ela já foi vencedora das competições Falcone Euphonium Artist e ITEC Euphonium Artist, e agora está em alta demanda como jurada. A Dr. Lipton tem participado do corpo docente de muitas das principais oficinas de metais americanas e frequentemente aparece como clínica em conferências e festivais. Atualmente, ela é membro do conselho e principal eufonista da Natural State Brass Band em Little Rock, Arkansas. Ela também se apresenta com um conjunto de trompa / eufônio / tuba, Trio di Velluto.

Em seu cargo  na Henderson State University, a Dra. Lipton ensina eufônio e trombone. Seus alunos participam regularmente de bandas intercolegiais e muitos de seus ex-alunos agora são educadores musicais de sucesso em todo o Texas e Arkansas. Sob sua direção, o HSU Tuba Choir já se apresentou em várias conferências e a HSU Brass Band, a única banda de colegial no Arkansas, faz duas turnês por ano. Dra. Lipton é orientadora acadêmica das divisões de HSU da Sigma Alpha Iota e Tau Beta Sigma e é membro honorário de ambas as organizações e da Kappa Kappa Psi.

A Dra. Lipton é formada em educação musical e performance em eufônio na Northwestern University e na University of North Texas, e suas principais referências incluem Rex Martin, Dr. Brian Bowman e o falecido Dr. Vern Kagarice. Em seu tempo livre, ela gosta de viajar, estudar espanhol, assistir futebol, passear com seus cães e tentar se divertir nas redes sociais.

Jeff Baker

Jeff Baker é Professor Associado de Tuba e Eufônio da Texas A&M University-Commerce. Dr. Baker recebeu diplomas  de música pela University of Oklahoma (BM) e a University of North Texas (MM and DMA). Ele tem atuado como instrutor Adjunto das University of North Texas e Cameron University in Lawton, Oklahoma e tem dado aulas particulares na Dallas/Ft. Worth metroplex por pelo menos 20 anos.

Dr. Baker é o Principal Tuba/Cimbasso Orquestra de Ópera de Dallas. Como músico convidado, tem se apresentado em vários grupos, incluindo a Dallas Symphony Orchestra, Dallas Winds,  Ft. Worth Symphony Orchestra, a Oklahoma City Philharmonic, a Tulsa Symphony Orchestra,  Lone Star Wind Orchestra, e a  Wichita Grand Opera. Dr. Baker também participou de mais de vinte projetos de gravações na Dallas Opera, Ft. Worth Symphony, EPR, Klavier, Mark, e Naxos labels. Ele se apresentou como solista com vários grupos, sendo os mais notáveis a US Army Orchestra (Pershing’s Own) e a vitória na competição de concertos  com a  University of North Texas Symphonic Band.

Em 2018, Dr. Baker recebeu o prêmio H.M. Lafferty Distinguished Faculty, a maior honraria em pesquisa oferecida pela Texas A&M University-Commerce, e em 2019, ele foi reconhecido como um Companheiro Mundial por seus trabalhos como professor e empreendimentos de pesquisa no Brasil.

Dr. Baker atuou como coordenador dos eventos, Ft. Worth,  Allen,  do TUBACHRISTMAS de  Dallas e é o mestre de cerimônias do TUBACHRISTMAS de Denton. Seus eventos anuais para as festas envolvem mais de 650 instrumentistas de Tuba e Eufônio da área do Note do Texas e o número total de expectadores chega a casa dos milhares. Ele é criador e diretos artístico do acampamento de Tuba do Texas e membro  do Texas Music Educators Association, da International Tuba and Euphonium Association, da International Trombone Association, e da Phi Mu Alpha Sinfonia.   

Joanna Ross Hersey

Natural de Vermon, Janna Ross Hersey é solista de tuba e eufônio já produziu dois álbuns solo, O quam mirabilis (2010) e Zigzags (2015), apresentando músicas de compositores como Hildegard von Bingen e Libby Larson, em combinação com suas próprias composições. Joanna é Presidente da Conferência Internacional de Metais para Mulheres.  Professora associada de Tuba e Eufônio da Universidade da Carolina do Norte em Pembroke e Artista das Marcas Yamaha e Bocais Parker. Em colaboração com a Bocais Parker, Joana lançou o modelo de artista Hersey de bocal para tuba, apresentando um design em aço inoxidável de três componentes.

Como membro do Alchemy Tuba-Euphonium Quartet, Joanna se apresentou através da América do Norte e Europa e pode ser ouvida nas gravações do grupo Village Dances (1997), Prelude e Groove (2012), e seu novo álbum está sendo editado para o lançamento no verão de 2019. Por quinze anos, o Alchemy tem atuado como grupo residente  cada Fevereiro no Horn-Tuba Workshop em Jever, Alemanha, onde o grupo apresenta recitais, dá máster-classes e dirige grupos. Como compositora, seu trabalho é publicado por seu próprio website, assim como pela Cimarron Music Press, incluindo a série Santa Cecília, apresentando seus arranjos de músicas de mulheres e compositores das minorias.